Entrada Recomendações

Recomendação N.º10/PE/2016 - Page 11

Recomendações do Provedor do Estudante
Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Indíce do artigo
Recomendações do Provedor do Estudante
Recomendação N.º1/PE/2010
Recomendação N.º2/PE/2010
Recomendação N.º3/PE/2010
Recomendação N.º4/PE/2011
Recomendação N.º5/PE/2011
Recomendação N.º6/PE/2011
Recomendação N.º7/PE/2011
Recomendação N.º8/PE/2016
Recomendação N.º9/PE/2016
Recomendação N.º10/PE/2016
Recomendação N.º11/PE/2016
Todas as páginas

Recomendação N.º10/PE/2016 

 

Ao analisar o processo relativo ao deficiente funcionamento da internet na residência universitária, apresentado por um aluno do Curso de Engenharia Informática, verificámos a necessidade de uma intervenção o mais célere possível, a fim de prevenir eventuais constrangimentos, na promoção do sucesso escolar dos alunos residentes. Considerando o acesso à internet como um elemento crítico, no acesso à informação e comunicação, importa refletir e decidir sobre ações concretas que realizem o objetivo definido. É com este propósito que fundamentamos, globalmente, a presente recomendação. 

Nestes termos, a Provedoria recomenda aos diferentes órgãos competentes da Universidade para pensarem e disponibilizarem os recursos suficientes para o desenvolvimento de uma solução técnica, eficiente e eficaz, que responda positivamente às expetativas dos alunos da residência universitária. Tendo em conta o relatado e com a devida parcimónia que se exige, a quando da procura das melhores soluções, sugeríamos como possível intervenção, a aquisição e colocação de repetidores de sinal de forma a cobrir a totalidade da residência universitária e, assim, facilitar o acesso à rede Wi-Fi a todos os residentes.

Na complexidade social, deste tempo-espaço dinâmicos em que vivemos, renovamos e reforçamos a importância fundamental do acesso à internet, na educação e formação do Homem de futuro.